quarta-feira, 29 de maio de 2013

Festa de aniversário

a mesa de doces
Aniversário é que nem carnaval: todo ano tem, e cada vez chega mais rápido e nem sempre dá para planejar aquela comemoração especial. Mas esse ano decidi me organizar e preparar uma festinha aqui em casa, afinal só fazemos 30 anos uma vez na vida, certo? Errr, cada aniversário na verdade é uma data única, mas poxa, 30 tem um significado especial!

Meu aniversário mesmo é no dia 31 de maio, mas como no fim de semana mais próximo da data muitos amigos estariam viajando – e vivendo no exterior "muitos amigos" significa quase a metade deles – resolvi antecipar a comemoração para o fim de semana anterior, assim pude ter mais pessoas queridas comemorando comigo!

Aliás essa festinha não foi só para comemorar meus 30, mas também para comemorar a realização de um projeto que vinha se arrastando a anos: o reconhecimento da minha cidadania italiana. Fazendo 30, com amigos queridos e com minha dupla nacionalidade consolidada, não tinha como não querer comemorar, não é?

a mesa de salgados
Decidi fazer comidas muito simples, que não me ocupassem muito no dia para que eu pudesse curtir. Optei por fazer sanduiches e canapés e servi torradinhas com pastinhas. No menu, duas opções de sanduíches no pão de forma: pasta de atum com milho verde e coronation chicken, um recheio tradicional inglês que é feito com pedacinhos de frango e uma maionese com curry suave, que eu particularmente curto bastante!

No sanduíche de baguete, salame com queijo, maionese e salada verde; e na ciabatta salmão defumado com cream cheese e rúcula. Ainda fiz umas cestinhas de pão de forma crocante recheadas com salmão defumado, cream cheese e pérolas de balsâmico e uma segunda opção de queijo brie com geléia de damasco. Também fiz uns espetinhos de salada caprese, com mozarella de búfala, tomatinho cereja e manjericão fresco. Para acompanhar os pães e torradas, pasta de atum, pesto de tomate seco e queijo boursin de alho e ervas finas. Tudo devidamente identificado com bandeirinhas.

sanduiche de salame
cestinhas de pão crocante com queijo brie e damasco
sanduiche de atum
salmão defumado com cream cheese e rúcula
Nos doces optei por fazer duas opções de "potinhos": cream cheese de baunilha com cobertura de framboesa e mousse de limão. Ambos muito simples e que pude fazer com antecedência. Também fiz brigadeiro de pistache e de chocolate. Como festa que é festa tem que ter bolo, optei por uma torta de chocolate sem farinha, receita que descolei com a cozinheira do hotel que fiquei em Sorrento, na Itália. Uma das delícias do café da manhã era essa torta e eu fui lá assuntar. Olha, essa torta é divina, vou preparar um post com a receita. Obrigada, Simona!

torta de chocolate sem farinha
brigadeiros
A decoração ficou bem simples, caprichada nas flores e com luzinhas. Na mesa de salgados optei por Toalha branca sobreposta por uma passadeira colorida, já na de doces achei que o vermelho da mesa combinava com as bandejas onde os doces foram servidos, que também eram vermelhas com bolinhas e listras brancas. Enfeitei os vasos com barbantes tipo sisal para dar um toque mais rustico e pronto, deixei as flores fazerem o serviço! Para dar uma graça coloquei as flores que não foram utilizadas nos vasos dentro de um regador embaixo da mesa de doces, para dar um charminho a mais e preencher o vazio.


Com muito vinho, música e conversa animada a festa foi uma delícia, e fiquei super afim de fazer outras, mesmo que não tenha motivo! E que venha a próxima!

3 comentários:

  1. Lindo! Quero a receita desse bolo sem farinha, vai que dá tempo pra fazer nos meus 30 anos! Bjs Morgana

    ResponderExcluir
  2. Parece tudo uma delícia, Mi!
    Um beijo!

    ResponderExcluir